Iniciativa Solidária pela Ucrânia juntou jogadores do plantel

Sebastián Pérez, Luís Santos, Kenji Gorré e Reisinho juntaram-se esta quinta-feira aos voluntários que participam na iniciativa solidária promovida pelo Boavista Mais Solidário, em conjunto com o Lions Clube da Boavista e o Leo Clube da Boavista, e que vai levar cerca de 12 toneladas de bens essenciais para a população da Ucrânia.

Nesta operação logística, que decorre até ao final da semana – camião com os bens parte rumo à Ucrânia na próxima terça-feira -, participaram ainda um total de 40 voluntários, que receberam esta quinta-feira reforços da equipa principal de futebol profissional do Boavista FC.

Sebastián Pérez elogiou a iniciativa, tendo ainda mostrado satisfação pela forma como esta ação foi aceite pelos adeptos. “É muito triste o que se está a passar na Ucrânia, não faz sentido, muito menos em pleno século XXI. Nós, jogadores, assim como os nossos adeptos, tentamos ajudar dentro das nossas possibilidades. É bom que todas as pessoas procurem lutar por um mundo melhor. Sabemos que há muitas pessoas a precisar de ajuda neste momento e, por isso, esta é uma excelente iniciativa e uma grande causa, sendo ainda mais gratificante por o estarmos a fazer pelo Boavista FC”, afirmou.

Recorde-se que a recolha de bens essenciais decorreu durante a Jornada Solidária organizada no jogo disputado no Estádio do Bessa Séc. XXI com o SC Braga e que contou ainda, a meio da semana passada, com a doação de bens por parte de todo o plantel do Boavista FC.