Marcelo Djaló: “Nunca me dou por vencido, isso é inegociável”

Nas primeiras palavras como jogador do Boavista FC, Marcelo Djaló falou da “grandeza” do Clube, dos “adeptos especiais” e também da vontade que sente em “começar a treinar e a competir”. “Estou certo de que vamos viver muitos sucessos todos juntos”, acrescentou.

PRIMEIRAS SENSAÇÕES: “Estou muito contente, com muita vontade de agarrar esta oportunidade e começar a trabalhar com os meus novos companheiros. Espero estar à altura deste grande desafio. Prometo trabalho e humildade. Eu sou assim, tal como este grande Clube, que é feito de gente de trabalho. Prometo dar sempre o máximo.”

OBJETIVOS: “Estou ansioso para competir e começar a desfrutar da experiência de estar num grande clube como o Boavista FC, o quarto com mais título em Portugal. Estou agradecido por ter a oportunidade de me juntar a esta família, na certeza de que vamos viver muitos sucessos todos juntos.”

AUTO-AVALIAÇÃO: “Apesar de me sentir num bom momento da minha carreira, quero continuar a melhorar todos os dias. Sei que vou ter grandes jogadores ao meu lado, com quem vou ter a oportunidade de continuar a aprender. Na verdade, não gosto muito de falar sobre mim, prefiro que sejam os outros a avaliar as minhas características. Mas prometo dar sempre o máximo e nunca me dou por vencido, isso é inegociável.”

BOAVISTA FC: “Como já disse, o Boavista FC é um dos clubes com mais títulos conquistados em Portugal e só isso diz muito da grandeza desta Instituição. Por acaso, costumo seguir a Liga portuguesa, tenho cá muitos amigos a jogar, e gosto especialmente do futebol em Portugal. Para além disso, e ainda mais importante para mim, estou num Clube enorme, com adeptos espetaculares. Tenho a certeza de que vou ser muito feliz nesta nova etapa da minha carreira.”