Rodrigo Abascal: “Sou o típico jogador uruguaio, com muita atitude, garra e espírito de sacrifício”

No dia em que assinou um contrato válido por três épocas, Rodrigo Abascal frisou estar “muito contente e orgulhoso” por ter chegado a um “grande Clube como o Boavista FC”, conhecido por ter adeptos “muito fervorosos e apaixonados”.

BOAVISTA: “Sinto-me muito contente e orgulhoso por ter chegado a um grande Clube como o Boavista FC. Quando soube do interesse, nem sequer hesitei, não só por ter o sonho de jogar na Europa, mas também por se tratar de um Clube com uma grande história e um bom projeto.”

ENTUSIASMO: “Conversei com vários compatriotas que jogaram em Portugal e todos me falaram da grandeza do Boavista FC e dos seus adeptos fervorosos e apaixonados pelo Clube. Sei que vou crescer muito aqui e estou entusiasmado com a ideia de jogar no Estádio do Bessa, que é dos mais espetaculares que já conheci.”

OBJETIVOS: “Trago muita vontade de ajudar a equipa a vencer. Vou dar tudo por este Clube e pelos seus adeptos. Sou o típico jogador uruguaio, com muita atitude, garra e espírito de sacrifício, aspetos que também existem no Boavista FC. Para além disso, sou forte na marcação, no jogo aéreo e sinto-me bastante confortável com a bola nos pés. Tenho a certeza que me vou adaptar com grande facilidade.”